Saturday, December 24, 2005

Sempre

sempre que estiveres numa praia
na mão segurares um punhado de areia
e contemplares o mar diante de ti

verás a imensidão do meu gostar
a intemporalidade do meu cuidar
o meu sincero carinho por ti

Sebastião Rodrigo, 2000

No comments: